segunda-feira, 19 de março de 2012

Curiosidade: quanto se gasta para manter toda a internet ativa?

Banda Larga

Em 2011, foram US$ 196 bilhões de dólares gastos para deixar a web no ar. Em 2012, esse número deve aumentar para US$ 200 bilhões

Você já parou para pensar quanto as empresas gastam para manter a internet no ar? A Forbes levantou dados sobre os investimentos anuais que fazem com que a web esteja ativa, entre custo de servidores, redes de dados, banda e proteção.

Em 2011, a empresa de marketing e pesquisas de mercado IBIS World afirmou que o gasto total da indústria do ISP (Internet Service Provider) em 2011 foi de US$ 196 bilhões de dólares. Para mais estimativas, um outro relatório da First Research diz que 2012 já acumula US$ 45 bilhões de investimento na internet em seus pouco menos de três meses.

Dessa forma, o gasto anual para manter os computadores conectados deve ultrapassar os 200 bilhões. Por um lado, esse é um número baixo, levando em consideração que as empresas e outros negócios têm parte de seus lucros concentrados em receitas desse mercado tecnológico. Por outro, é um número alto, já que parte das atividades realizadas na internet são feitas por governos e instituições sem fins lucrativos (como universidades, por exemplo), estes sendo deixados de fora da contabilidade das indústrias. 

Cara ou não, a internet parece uma das poucas ferramentas que se manterá ativa pelos próximos anos. Michio Kaku, mais conhecido como o "físico do impossível", prevê que, daqui dez anos, os computadores que conhecemos serão extintos e tudo será a internet: nossas lentes de contato, óculos, roupas, carros e até mesmo os órgãos do nosso corpo. Já as companhias pretendem aproveitar a popularidade da web para promover suas marcas.

Benéfica para nós, lucrativa para as empresas. Será? E você? Acha que esses US$ 200 bilhões são suficientes ou ainda falta investimento nesse universo virtual?

importado por splitz

Nenhum comentário:

Postar um comentário